quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Longo caminho


Caminhando sobre o sol, me pergunto por onde andas e quais caminhos seguistes depois de me deixares.
Na verdade creio que sempre estivestes aqui, eu é que aos poucos me afastei, me ausentei dos teus assuntos, e te tirei dos meus. Fiz com que nossas vidas deixassem de ser uma só, e passassem a andar por caminhos diferentes, mesmo que andando sobre a mesma superfície, debaixo do mesmo sol e do mesmo céu, mesmo sendo um, tão importante para o outro quanto o próprio ar, não passássemos de apenas conhecidos na rua.
Sentada na areia, olhando o mar e esperando que a vida passe, só espero poder entender tudo o que agora não faz o menor sentido.

Olá, como estão todos? qw. Peço desculpas pela demora de atualização, esses dias foram completamente tumultuados, fim de bimestre sabem como é né?! Ah, sobre as mudanças no blog, creio que ficaremos com esse layout mesmo, pelo menos por enquanto. Enfim, é isso. Beijos, Marina.

7 comentários:

Butterflies disse...

È bom as vezes deixar de depender sempre da mesma pessoa.

Carolina Hermanas disse...

É tão triste deixarmos a pessoa que amamos, mas ainda sim tão correto :)

Lindo teeeeexto!

-

Beeijão (L)

disse...

Bonito. Me identifiquei mesmo. Ás vezes é necessário partir, né? ;/ Beijo.

Ana Beatriz disse...

Já fiz isso, errei e dei nenhuma importância para uma pessoa quando ela merecia tudo o que eu tinha de bom, quando merecia todos os meus sentimentos. Ainda bem que passou e consegui voltar atrás. bjs

danee disse...

Me identifiquei também, geralmente quanto mais dependemos de alguém, e quanto mais temos medo de perder essa pessoa, maiores são as chances do fim chegar.

Juliana Oliveira disse...

Amei o blog. Viciei no blog de vcs'. Já estou seguindo! Vc's escrevem bem e com tanta suavidade. Lindo demais, Bjuuu

Vanessa Monique disse...

Ain q lindo q tah teu blog, desculpa pela demora, mas é q tava sem tempo
;*